CNU é, pela 10ª vez, eleita uma das melhores empresas para se trabalhar

Pela décima vez consecutiva, a Central Nacional Unimed (CNU) é uma das 150 melhores empresas para se trabalhar

unimed-700

Pela décima vez consecutiva, a Central Nacional Unimed – sexta maior operadora de planos de saúde do Brasil – é uma das 150 melhores empresas para você trabalhar. A equipe destacou ao ranking da Você S/A a ação tranquilizadora do presidente da operadora, Mohamad Akl, ao longo de 2015, na portabilidade dos clientes da Unimed Paulistana. “Ele nos acalmou e estava presente o tempo todo”, observou uma colaboradora.

As entrevistas para o guia são feitas de uma listagem de colaboradores, sem identificação dos consultados. A área de RH da operadora também ressaltou a capacidade de Akl (que fundou a CNU em agosto de 1998) de se comunicar com os mais de mil colaboradores.

A partir de setembro de 2015, assim que a agência reguladora (ANS) decretou a alienação da carteira de clientes da Paulistana, começaram as liminares para que a Central Nacional

Unimed assumisse os clientes da Paulistana. Depois, com a Seguros Unimed e a Federação das Unimeds de São Paulo, a operadora nacional firmou Termo de Compromisso de Ajustamento com as autoridades para a portabilidade.

“Com apoio dos colaboradores e gestores, em menos de 48 horas tudo estava pronto para receber os novos clientes. Concluímos o trabalho com sucesso”, observa Akl. No processo, atuaram diretamente 150 profissionais, 70 deles contratados em plena crise econômica para dar conta da demanda.

Felizes no trabalho na CNU

Na CNU, a Felicidade no Ambiente de Trabalho (IFT) – um dos indicadores do guia – é construída não somente por salários e benefícios, mas também pelo horizonte de desenvolvimento profissional.

Em 2013, foi criada a Academia de Educação Corporativa, responsável, em 2015, por quase 26 mil horas de treinamento aos colaboradores.

Outro destaque é o Programa Mulheres Gestoras, iniciado em 2007, que investe nas lideranças femininas, fundamentais em uma empresa cooperativa em que as profissionais representam quase 72% da equipe.

“Se tivesse que sintetizar em duas palavras por que a gestão de RH da CNU é tão bem avaliada, citaria proximidade (entre dirigentes, gestores e colaboradores) e oportunidades de desenvolvimento.” O dirigente acrescenta que essa proximidade se fortalecerá ainda mais com o recente lançamento da Rede Social Corporativa em substituição à Intranet. “Neste ambiente de rede social, todos interagiremos com postagem de textos, fotos e vídeos, o que tornará muito mais divertido o fluxo de informações no trabalho”, afirma Akl.

Fonte




Compartilhar:

 

twitter

Parceiros